Controlados pela joint venture formada pela operadora mundial de terminais Impala, subsidiária do Grupo Trafigura, e pelo fundo de investimento Mubadala Investment Company, o Porto Sudeste está em operação desde agosto de 2015. O empreendimento possui capacidade instalada para movimentar 50 milhões de toneladas de minério de ferro por ano e potencial de ampliação até 100 milhões/ano. Crescendo gradativamente, com média de quatro navios atracados por mês, a meta planejada é atingir a marca de 12 milhões de toneladas exportadas até o final de 2017 e elevar esse patamar para até 40 milhões de toneladas em um período de até quatro anos.